in

10 Idiomas Mais Fáceis de Aprender para Brasileiros

Expandir os conhecimentos na área dos idiomas, se tornou a maior exigência do mercado de trabalho, trazendo como consequência disso, o aumento da procura por parte de muitas pessoas, com relação ao estudo de novas línguas.

A curiosidade também é um dos motivos pelos quais estimulam muitas pessoas a estudar novos idiomas, até pelo fato de que as viagens ao exterior estão cada vez mais comuns e as pessoas não querem mais chegar em um lugar diferente e não o aproveitá-lo ao máximo, simplesmente por não conseguirem conversarem com o povo do lugar.

Entretanto, ser poliglota é privilégio de poucos, pois exige muito comprometimento, determinação e persistência de quem estuda.

Além de paciência, porque não é de um dia para o outro que você começa a falar fluentemente em outro idioma. E para quem está pensando em começar a estudar uma língua diferente, em seguida recomendaremos a lista com os idiomas mais fáceis para aprender. Dedique-se ao máximo, que você sentirá muita satisfação por entrar nessa nova aventura chamada: Plurilinguismo.

Confira Abaixo as 10 Idiomas Mais Fáceis de Aprender para os Brasileiros:

10 Idiomas Mais Fáceis de Aprender para os Brasileiros

1) Espanhol

Um dos idiomas mais falados do planeta, por incrível que pareça, é um dos mais fáceis de se aprender. E isso ocorre porque o Espanhol não possui muitas irregularidades, e principalmente porque o jeito de falar é praticamente o jeito que você usa para escrever.

Pesquisas estimam o Espanhol, como idioma que possivelmente se tornará um dos oficiais dos Estados Unidos, tornando-o um país bilíngue.

2) Italiano

O segundo idioma da lista é considerado um dos mais fáceis de aprender, pois tem muitas semelhanças com o Português, gramaticalmente falando. Inclusive, as pronúncias das palavras Italianas são mais simples para os brasileiros, e pessoas com sotaque paulista, por exemplo, não vão ter praticamente nenhuma dificuldade para aprender essa língua.

3) Suaíli

Para quem desconhece, o Suaíli, idioma oficial da região leste da África, predominante na Tanzânia, na Uganda e no Quênia, não é tão fácil quanto os outros mencionados, mas por não possuir conjugações, acaba se tornando uma das mais fáceis para se aprender, pois sabemos o quanto as conjugações tomam nosso tempo quando vamos estudar algum idioma.

4) Inglês

Não poderíamos de citar a língua mais falada mundialmente não é mesmo?  Aliás, é o idioma que o brasileiro mais tem contato, pois desde na escola, ele começa a ter as noções básicas do mesmo.

O Inglês é constituído por palavras curtas; quanto a conjugação, ela sofre alteração exclusivamente em casos de terceira pessoa do singular e não existe variações de gênero, como é o caso do Português brasileiro.

Além disso, é o idioma com maiores opções para se obter fluência, pois existem vários fluentes em diversas regiões do mundo e nós, brasileiros, estamos rodeados de filmes, séries e músicas em inglês para completar o processo de aprendizagem.

5) Holandês

A primeira impressão de quem conhece rapidamente a língua oficial da Holanda é de terror, pois aparentemente se trata de um idioma muito difícil e complicado. Mas acredite ou não, o segredo está na compreensão da fonética das palavras.

Uma vez que você entende melhor a fonética, você começa a perceber que as palavras passam a ter mais familiaridade na sua cabeça e quando você menos percebe já está falando holandês.

Além disso, o idioma tem muitas influências do Francês e do Espanhol, que também são uma das línguas mais fáceis para quem quer começar a aprender um novo idioma.

6) Português (Portugal)

A próxima dica da lista pode até causar espanto, mas sim, o Português é uma das línguas que trazem mais facilidade na hora de aprender, mas não é o Português brasileiro, e sim o de Portugal.

Com certeza, brasileiros conseguem aprendê-lo com mais facilidade, ou de outro país que tenha o idioma como oficial, visto que já está familiarizado com o idioma.

As principais diferenças existentes entre o idioma brasileiro e o Português, está na fonética das palavras, e com relação ao uso da gramática, que no caso da segunda opção, dispensa o gerúndio.

7) Romeno

Acredite se quiser, mas Romeno é sim um dos idiomas mais fáceis de se aprender. Aproximadamente vinte e quatro milhões de nativos fala a língua e eles utilizam o alfabeto latino. Para você ter uma ideia, mais de quinhentas palavras do vocabulário romeno são idênticas ao português, e dentre elas, muitas possuem a mesma grafia, pronuncia e significado. Em vista disso, aproveite para aprender o idioma do tão famoso Conde Drácula.

8) Sueco

Aprender a falar esse idioma é relevante quando falamos de facilidade. O sueco se torna mais fácil para aqueles que tem pelo menos uma base de Inglês, agora se torna um pouco mais difícil para que só fala português.

Isso acontece, porque o idioma é germânico, que parecido com o Inglês, possui muitas palavras com grafias aproximadas. O mais difícil mesmo é a pronúncia da língua, que se comparado com outros ocidentais, é uma das mais distintas.

9) Alemão

Dessas dicas, Alemão com certeza é o mais difícil de se aprender, mas não é impossível. Aproximadamente 100 milhões de nativos falam alemão e inclusive, o alfabeto do idioma é latino.

Para quem se identifica com o mundo financeiro, vale muito a pena estudá-lo, pois se predomina nesse universo, e para aqueles que verdadeiramente se dedicam, se torna uma Língua Fácil de se aprender.

10) Francês

O Francês não poderia deixar de fazer parte dessa lista incrível de idiomas mais fáceis para quem quer dar um up no aprendizado.

Falado em mais de vinte oito continentes, você poderá treinar o idioma em qualquer lugar que for, e para quem gosta do Inglês, sentirá muita similaridade ao começar a aprender o Francês, pois cerca de um terço de todo o vocabulário em questão foi totalmente influenciado pelo Inglês.

Além disso, muitos afirmam que ambas as línguas possuem mais similaridades do que qualquer outra no planeta.

10 Receitas Deliciosas de Sobremesas para Quem Mora Sozinho

1. Espectador do Netflix Espera aí: desde quando assistir o conteúdo do Netflix dá dinheiro ao invés de gastarmos com o serviço? Pois bem: de vez em quando, o Netflix, bem como alguns outros serviços de streaming, oferecem vagas para profissionais que devem assistir diariamente o conteúdo de suas plataformas. Mas isso não se trata de um serviço apenas por entretenimento: mais do que assistir, os profissionais devem enquadrar cada um dos programas em categorias, gêneros, e filtros variados. O objetivo é, além de catalogar os conteúdos com maior precisão, é dar aos usuários finais um fluxo mais intuitivo para consumir o conteúdo desses canais. Você aguentaria uma jornada de 40 horas semanais assistindo esses conteúdos o dia inteiro?

10 Empregos dos Sonhos que Você Não Sabia que Existia